da gravidez a maternidade..

quinta-feira, 4 de junho de 2009

coração de mãe tinha que ter airbag;;


hoje foi a primeira triste experiência nossa.. sabe, a içara nunca ficou mais de 3 horas longe de mim ou sem mamar.

A Içara tem ido para a faculdade comigo, todas as quartas, mas tornou-se inviável, pois ela não dorme mais lá, fica agitada, querendo conversar.. resultado: nem eu nem a rô conseguimos prestar atenção na aula.

Como ela já está comendo bananinha durante à noite e o pediatra garantiu que "de fome ela não morreria", resolvi deixá-la com o Gustavo, em casa, para fazer a prova tranquila.

Às 17h30 saí de casa. Voltei às 22hs. Minha filha estava chorando, triste, triste e o papai já não sabendo mais o que fazer. Não comeu banana. Não tomou nem uma águinha no copinho de transição que deixei para ela.

Ela chorou. Eu chorei.

Para completar hoje ela não tinha feito cocô e passou dia se espremendo e nada do danado sair. Depois, de mamar, começou a se contorcer e branquinha que é ficava roxa fazendo a maior força. E gritava.

Fiz massagem com o óleo, empurrei as perninhas para cima da barriga e tirei a fralda.
Vi pela primeira vez minha filha fazer 2 trocinhos bem durinhos de cocô que a estavam torturando.
Ela nunca tinha feito cocô duro. Só cocô pastoso..

Meu coração ficou pequeninho.

Dois sofrimentos num dia só.

Parece bobagem, coisa de mãe coruja. Mas, existem cordões umbilicais invisíveis que ainda me prendem a cria e ela a mim.

Vamos aos poucos desfazendo os nós. Para sermos nós e sermos ela e eu, unidas mesmo que distante.

Ver minha filha chorando.. coisa que ela nunca faz, a não ser que esteja com sono e nem é choro, é resmungo.. é a pior coisa do planeta!

Resultado: pesquisando como soltar o intestino da criança. Aceito dicas.

e na próxima aula, o pai e a criança vão junto!

2 comentários:

Patrícia disse...

amiga, eu passei muito por este problema com a Pietra... intestino preso faz eles sofrerem mesmo... eu dava suco de laranja, agua com ameixa... mas quando a coisa chegava no limite, eu punha o supositorio (não deixava lá, só o movimento de por e tirar umas 3 vezes ja fazia com q ela soltasse tudo que estava preso... e depois ela ficava aliviada...
qq coisa me escreva. ebijos e melhoras pra içarinha linda.

Erika disse...

Oi Bruna, passei por isso com a Juju, é desesperador...tentei algumas coisas com pouco ou nenhum resultado. O que resolveu: Água, muita água e como ela mama, o leite materno.
Bjinho